Economia

Números de janeiro mostram que Aparecida tem conseguido crescer mais que o dobro que Anápolis

O emprego é um dos melhores  termômetros para atestar o crescimento de um país, estado ou cidade. No caso das duas maiores cidades de Goiás, excetuando a capital, esse indicativo soa ainda mais consequente.

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pelo Ministério do Trabalho, mostram que em janeiro Aparecida de Goiânia teve um saldo positivo (diferença entre demissões e admissões) de vagas com carteira assinada muito superior ao de Anápolis.

Enquanto a cidade conurbada criou 825 empregos a mais, Anápolis fez 372 admissões a mais do que demitiu.

Goiânia, que lidera o ranking, teve saldo de 862 pessoas.

Quer comentar?

Comentários