Segurança Pública

CPE chega à marca de 100 armas apreendidas em Anápolis somente neste ano

Um oficial da Polícia Militar, com um pé na mais alta patente da corporação em Goiás, disse algo sobre a Companhia de Policiamento Especializado (CPE) que mostra a importância dela para a cidade:

– Quando as pessoas têm problema, chamam a polícia. Quando a polícia tem problema, chama a CPE.

Não se reservando somente às operações de maior coercitividade, a CPE Anápolis, comandada pelo competente e focado capitão Berquó, conseguiu também, mesmo com poucas viaturas, apreender em 2017 um total de 100 armas de fogo.

A marca foi alcançada nesta quarta-feira (27) durante a tarde durante a prisão em flagrante de um traficante no Jardim Primavera, no extremo Sul da cidade.

Cem armas a menos nas mãos da criminalidade representam menos vidas ceifadas e menos poder bélico ao tráfico.

Quer comentar?

Comentários